Pesquisar este blog

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

"Não seja um porre": campanha quer conscientizar adolescentes sobre o uso de bebidas alcoólicas




Iniciativa da Sociedade de Pediatria do RS tem como objetivo prevenir a ingestão de álcool durante o Verão e em festas comuns à época

Preocupada com o aumento do consumo de bebidas alcoólicas por adolescentes, a Sociedade de Pediatria do Rio Grande do Sul (SPRS) lançou, na terça-feira (20/12), a campanha "Não seja um porre". A iniciativa foi apresentada durante entrevista coletiva na sede da agência Paim Comunicação, responsável pelo desenvolvimento dos materiais de divulgação.

A preocupação da entidade vem acompanhada pelos dados revelados pela Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE), realizada em 2015. O documento aponta que Rio Grande do Sul e Porto Alegre lideram, entre os estados e capitais do Brasil, o ranking de estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental, 68% e 74,9% respectivamente, que declararam já ter experimentado a bebida etílica.

- Temos um compromisso com o desenvolvimento saudável de nossas crianças e adolescentes. Como pediatras cabe a nós alertarmos os familiares e, também, conscientizarmos os próprios jovens sobre os riscos e consequências do consumo excessivo de bebidas alcoólicas - destaca a presidente da SPRS, Cristina Targa.

Idealizadora da campanha, a pediatra Denise Leite Chaves explica que a sugestão foi feita em uma reunião de planejamento da SPRS, após a repercussão nas redes sociais de uma médica sobre o grande volume de atendimento a adolescentes devido ao uso abusivo da bebida durante um festival no início de 2016.

- O relato daquela profissional viralizou nas redes, destacando a grande quantidade de jovens que haviam ingerido álcool durante a festa. Então, a ideia foi nos organizarmos para o verão, já pensando nas festas comuns desta época - explica Denise.

Ao longo de 2016, a pediatra participou do Fórum Permanente de Prevenção à Venda e ao Consumo de Bebidas Alcoólicas por Crianças e Adolescentes, no Ministério Público do Estado, coordenado pela promotora de justiça Maria Regina Fay de Azambuja. O grupo concentra suas ações em escolas privadas e públicas de Porto Alegre e está em expansão para o interior. De acordo com Denise, o órgão, junto com as demais instituições que formam o Fórum, são apoiadores da iniciativa.

A médica destaca, ainda, que a campanha também será direcionada aos pediatras para que eles saibam como lidar com o tema nos seus consultórios, alertando tanto os pais e quanto crianças e adolescentes.

Não é sermão careta

O grande desafio da campanha é estabelecer contato com os adolescentes de uma forma que chame a sua atenção e destaque a importância de evitar o uso de bebidas alcoólicas. Desta maneira, a SPRS, junto com a Paim Comunicação, desenvolveu uma linguagem diferenciada para abranger o seu público. As ações da campanha preveem cartazes com imagens que representam os malefícios que a bebida causa; outdoors e painéis eletrônicos; um filme para a web; conteúdo digital; e inserções em veículos de comunicação impressos e emissoras de rádio.



Francine Malessa









Nenhum comentário:

Postar um comentário

Posts mais acessados