Pesquisar Blog Jornal da Mulher

quarta-feira, 10 de maio de 2017

Dia das Mães: Kaspersky Lab fornece 7 dicas para que elas se conectem de forma segura



Sua mãe é do tipo que aproveita ao máximo as ferramentas e possibilidades da internet, desde comprar roupa e acessórios mais convenientes até baixar a versão mais recente de aplicativos e criar grupos de WhatsApp com amigos, professores e pais de alunos? Se você pensar que muitas delas também trabalham de casa, enquanto cuidam de seus filhos, o acesso online cresce consideravelmente e, portanto, também aumenta a necessidade de estar constantemente conectada, tanto para verificar informações pessoais quanto profissionais.

De acordo com uma pesquisa da Kaspersky Lab, 64% das mulheres estão cientes do risco de fraude online. Apesar disso, elas acabam sendo mais propensas a sofrerem ataques online usando os seus dispositivos eletrônicos do que seus filhos, amigos e colegas (36% das usuárias, em comparação com 28% dos usuários), pois não protegem de maneira adequada seus dispositivos.

"Não há dúvida de que a Internet tornou-se uma ferramenta essencial para as mães de hoje não só por conectá-las a seus filhos, parentes e amigos, mas também por facilitarem o acesso à sua vida profissional também. Se elas trabalham em um escritório ou de suas próprias casas, elas acabam tendo acesso à uma vasta quantidade de informações disponíveis na rede, útil para diferentes áreas ou estágios de suas vidas", diz Fábio Assolini, analista sênior de segurança da Kaspersky Lab.

No entanto, todos estes dados que são usados e compartilhados por mães em todas as plataformas, redes sociais ou aplicativos podem ser explorados por criminosos virtuais para cometerem ataques online ou causarem sérios danos, principalmente nos dispositivos que não são protegidos corretamente.

Hoje, as mulheres estão mais presentes do que nunca nas redes sociais*, sendo que 22% delas estão no Twitter, e 76% no Facebook. Além disso, as mulheres enviam mais mensagens de texto e fazem mais compras online do que os homens.

"Por ser uma ferramenta para uso em massa, a Internet expõe as mães e usuários em geral para vários perigos que muitas vezes não imaginam. Nesse sentido, não é apenas a questão de roubo de senha, identidade ou dinheiro, mas também a possibilidade de infectar severamente computadores, smartphones, tablets ou outros dispositivos", acrescenta Assolini.

Por isso, a Kaspersky Lab aproveita o Dia das Mães e fornece sete dicas para ajudá-las a aumentar a segurança online e adotar bons hábitos quando estiverem acessando algum site, a fim de proteger o uso de informações sensíveis e evitar que sejam compartilhadas de forma incorreta:

1.    Nunca clique em links de e-mails suspeitos, banners em sites ou acesse sites desconhecidos. Quando você tem que visitar um banco online ou uma loja de varejo, digite manualmente o URL em vez de clicar em um link.

2.    Fique atenta à descontos e ofertas comerciais: É comum os cibercriminosos aproveitarem de datas comemorativas ou marcas de moda específicas para enviar ofertas falsas muito boas para serem verdade e, utilizá-las para efetuarem seus ataques de phishing ou uma fraude. Certifique-se de que é sempre uma oferta segura e autêntica antes de ir para a parte de compra e colocar seus dados pessoais.

3.    Se você faz pagamentos onine, utlize uma conexão segura. Não faça transações comerciais ou bancárias online enquanto estiver conectado a uma rede Wi-Fi pública. Faça apenas a partir de uma Rede Privada Virtual (VPN), uma vez que todas as informações enviadas nesta rede estarão protegidas.

4.    Não aceite convites de estranhos em sites de redes sociais ou clique em links, vídeos ou imagens sensacionalistas que circulam nessas plataformas. Enquanto as redes sociais nos permitem estar em contato com todos os nossos conhecidos, amigos e familiares, elas também podem entrar em situação de vulnerabilidade, por isso, é preciso ter cuidado ao publicar informações privadas.

5.    Controle o acesso à Internet de seus filhos: é importante estar ciente dos sites em que as crianças têm acesso, não só para protegê-los de conteúdos inadequados, mas também para evitar que cliquem em sites e/ou baixem arquivos infectados. É essencial que as mães usem uma ferramenta como o Kaspersky Safe Kids, que ajuda a proteger seus filhos dos perigos e riscos online.

6.    Monitores como os aplicativos se comportam no seu dispositivo e avalie as solicitações ou autorizações de acesso solicitadas a esses aplicativos. É de suma importância fazer isso com smartphones Android.

7.    Utilize uma solução de segurança completa para seus dispositivos como o Kaspersky Total Security multidispositivos para Andoid, iPhone, iPad, Mac e PC, que além de ter uma série completa de tecnologias de proteção, inclui o Safe Money, que protege seus dados durante as transações bancárias ou sessões de pagamentos eletrônicos.

Para mais informações de como manter seus filhos protegidos não só no Dia das Mães, mas todos os dias, acesse nossa página: https://www.kaspersky.com.br/diadasmaes 


* https://www.brandwatch.com/2015/01/men-vs-women-active-social-media/



Kaspersky Lab



Nenhum comentário:

Postar um comentário