Pesquisar no Blog

quinta-feira, 31 de janeiro de 2019

Remédios na bagagem: Affinity lista dicas para viajar sem problemas



Passagens compradas, hotel reservado e seguro viagem em mãos. O planejamento de uma viagem – seja de férias ou a trabalho - passa por várias etapas. E arrumação das malas é uma delas. Nessa hora, muitas pessoas ficam em dúvida sobre como levar os seus medicamentos. “Carregar remédios não é proibido, mas o ideal é tomar medidas de segurança para evitar problemas. Existem medicamentos que são isentos de prescrição no Brasil, mas têm diferentes restrições no exterior. Por isso, é sempre importante verificar as regras de fiscalização do país que será visitado”, explica o diretor geral da Affinity, José Carlos Menezes. 

Pessoas que usam medicamentos de uso contínuo devem ter cuidado redobrado. “No exterior, não é possível usar o seguro viagem para marcar uma consulta em busca de receita”, alerta Menezes.


Veja cinco dicas preparadas pela Affinity para levar seus remédios de forma tranquila durante a viagem:

 - Leve sempre os remédios na caixa ou as cartelas que possuam as informações sobre as medicações na parte de trás.

- Para não ter problemas na imigração, vale levar sua receita em inglês caso algum agente te pergunte sobre aqueles remédios.

- É preciso levar sempre os medicamentos na bagagem de mão, nunca despachá-los. A chance de você ter a mala extraviada é grande e você pode ficar sem o seu remédio controlado e aí vem o problema.

- As receitas prescritas no Brasil (mesmo estando em inglês) não valem lá fora para comprar medicamentos e muitas pessoas tentam acionar o seguro viagem pedindo receitas porque o remédio de uso contínuo está acabando. A seguradora não pode ajudar nesse sentido. Não é possível marcar consulta em busca de receita.

- Leve 50% a mais do que o necessário para os dias fora de casa. Ou seja, se você toma 1 determinado comprimido por dia e vai ficar 30 dias em viagem, leve 45 comprimidos. Sempre existe o risco do voo ser cancelado ou qualquer problema deste tipo e você precisa estar precavido.



Affinity




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Posts mais acessados