Pesquisar este blog

quarta-feira, 10 de outubro de 2018

Pílula do dia seguinte: tudo o que precisa saber quando se esquecer de tomar o anticoncepcional


A pílula anticoncepcional é um dos métodos contraceptivos com maior eficiência e segurança disponível no mercado, quando utilizadas de forma correta. Porém ao se esquecer de tomar o anticoncepcional, atrasar o horário ou suspeitar de ineficácia do método, muitas mulheres recorrem a pílula do dia seguinte. 


Como funciona a pílula do dia seguinte? 

A pílula do dia seguinte é um medicamento feito à base de hormônios sintéticos como a progesterona e é indicado quando há a falha de algum outro método contraceptivo utilizado, como preservativos, pílulas anticoncepcionais, coito interrompido, entre outros, para evitar a concepção de uma gravidez indesejada. 

Após falha do método contraceptivo ou relação desprotegida, a pílula deve ser utilizada o mais rápido possível, quanto antes ela for ingerida maior sua chance de eficácia, que varia em torno de 90%. 

Essas pílulas possuem altas doses de hormônios, e por isso seu uso requer cautela, não sendo aconselhável o consumo frequente podendo trazer riscos à saúde da mulher, inclusive a profissionais que recomendam o uso desse método apenas 01 vez ao ano. 


Como é a ação da pílula no organismo para inibir uma gravidez? 

É importante ressaltar que a pílula do dia seguinte não possui efeito abortivo, visto que sua ação só terá efeito antes da implantação do óvulo fecundado no útero. 

Após a ingestão do medicamento, seu funcionamento varia de acordo com a etapa em que o organismo da mulher se encontra: 

  • Caso o óvulo ainda não tenha sido liberado, a pílula irá atuar impedindo a liberação do mesmo; 
  • Se o óvulo já tiver sido liberado, ela irá dificultar o transporte do mesmo pelas trompas de falópio. 
  • Caso o óvulo já esteja em curso, ela irá alterar a região interna do útero para impedir que o mesmo se fixe na parede uterina. 

A ação dos hormônios que compõem a pílula é bem administrada, de forma que sendo ingerida dentro do período recomendado conforme especificações contidas na bula suas chances de êxito são grandes. 


Quais os efeitos da pílula no ciclo menstrual? 

Os impactos da pílula do dia seguinte também vão variar de acordo com o estágio em que o organismo da mulher se encontra. 

Na maioria dos casos ela antecipa o ciclo menstrual que pode vir acompanhado de cólicas um pouco mais acentuadas que o normal e o fluxo poderão vir em maior quantidade. 

Em poucos casos ela altera o ciclo atrasando o período menstrual. De qualquer o ciclo da mulher ficará desajustado e pode levar algum tempo para que volte ao normal. 


Quais os efeitos colaterais adversos que o uso da pílula pode trazer? 

Sentir efeitos colaterais com o uso da pílula não é uma regra, vai variar de cada organismo. 

No geral os principais efeitos relatados por pacientes são cólicas menstruais, dores de cabeça, sensação de mal-estar, efeitos ainda menos comuns são constipações intestinais e vômitos. 

É sempre bom lembrar que o preservativo é o único método contraceptivo que previne contra DST’s e que pílulas anticoncepcionais e do dia seguinte têm eficácia apenas para a prevenção de gravidez, e antes de tomar qualquer medicamento é importante consultar um médico. 







Dr. Alfonso Araújo Massaguer - CRM 97.335 - Médico pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Ginecologista e Obstetra pelo Hospital das Clínicas eEspecialista em Reprodução Humana pelo Instituto Universitário Dexeus – Barcelona. Dr. Alfonso é diretor clínico da MAE (Medicina de Atendimento Especializado) especializada em reprodução assistida. É professor responsável pelo curso de reprodução humana da FMU e membro da Federação Brasileira da Associação de Ginecologia e Obstetrícia (FEBRASGO), das Sociedades Catalãs de Ginecologia e Obstetrícia e Americana de Reprodução Assistida (ASRM). Também é diretor técnico da Clínica Engravida e autor de vários capítulos de ginecologia, obstetrícia e reprodução humana em livros de medicina.   
www.mae.med.br    


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Posts mais acessados