Pesquisar este blog

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

7 erros mais comuns na hora da contratação de pessoas pelas empresas



O RH estratégico é determinante para o crescimento de uma corporação, porém, os deslizes na contratação de pessoas podem dificultar o andamento desse processo, além de ocasionar perda de tempo e dinheiro


Quais são os equívocos mais comuns na hora de recrutar e contratar pessoas? Para ajudar a identificar tais erros e otimizar a maneira como a empresa busca candidatos no mercado, Marcel Lotufo, CEO e sócio fundador da Kenoby, software de recrutamento e seleção de pessoas, ilustra abaixo os casos mais típicos.

Antes de abrir a empresa, Lotufo atuou como headhunter e notou as muitas falhas que ainda existiam na área de recrutamento e seleção. Confira.


1. Não dar feedbacks aos candidatos

Não se preocupar em dar retorno aos candidatos depois da entrevista é um erro tão grave, quanto recorrente. O problema é quando se mantém os candidatos desinformados, ou seja, sem saber se foram selecionados ou em qual fase do processo estão. Isso prejudica a imagem da empresa e reduz a possibilidade de contratações futuras. Além disso, essa atitude afasta os melhores talentos, que estão cada vez mais exigentes em relação à cultura organizacional das empresas. 


2. Ter um banco de talentos sem qualificação

Isso sem dúvida dificulta na hora da escolha. No entanto, saber somente informações pessoais, formação e experiência dos candidatos, muitas vezes, não é o bastante para se tomar uma decisão. Considere, portanto, realizar testes de primeira instância e, sobretudo, avaliar cada perfil por estrelas. Assim, a sua escolha será muito mais assertiva.


3. Criar uma página de carreiras muito simples

A página de carreiras da empresa, muitas vezes, é o primeiro e único contato que o candidato terá ao se inscrever para a vaga. Se ela for muito simples, pouco explicativa ou mal elaborada, pode afastar ao invés de atrair bons candidatos, pois passa uma imagem fraca sobre a marca empregadora da empresa. 


4. Divulgar as vagas em aberto de forma incorreta

Outro erro muito comum durante o processo de recrutamento e seleção nas empresas diz respeito à divulgação das vagas em aberto. É importante pesquisar e escolher os melhores e mais eficientes canais de divulgação, além de utilizar um banco de talentos e explorar as redes sociais da empresa. É importante dar atenção especial ao job description, ou seja, a descrição das atribuições de uma determinada posição. Seja honesto em relação às funções do cargo e às características básicas exigidas. Afinal, uma descrição bem-feitas atrairá as pessoas certas.


5. Não utilizar a busca booleana na triagem

Esse tipo de pesquisa é realizada por palavras-chave no software de recrutamento e que direciona os resultados obtidos. Os buscadores adicionam implicitamente os termos AND OR, NOT e, as aspas, entre as palavras, de forma aleatória. Sabendo disso, você mesmo pode utilizar esses termos a favor da busca de candidatos. Você pode buscar no LinkedIn, por exemplo (“analista de software” OR “analista de sistemas”), para poupar tempo e trazer os resultados de que precisa com mais eficiência.


6. Ter uma cultura organizacional pouco atrativa

Se este quesito não está bem definido pela corporação ou não existe a preocupação em elaborar uma, é uma falha que certamente afeta a maneira como os outros olham para a sua empresa. Afinal, cada pessoa tem suas ideias, interesses e ideais, e uma empresa que não demonstra ter uma posição no mercado em relação a esses aspectos não inspira uma gestão humanizada nem confiança. Por isso, elabore e divulgue a cultura organizacional da empresa com orgulho. Assim, as chances de atrair colaboradores que compartilhem das mesmas ideias são bem maiores.


7. Extrair relatórios de forma manual

Esse é um erro que reflete na gestão de tempo e na assertividade, na hora da escolha dos candidatos. Procure automatizar processos burocráticos, como a realização dos relatórios, por exemplo, e tenha todas as informações necessárias digitalmente, eliminando o risco de perder, ou se confundir, em uma montanha de papeis em sua mesa. É possível realizar um processo de recrutamento e seleção nas empresas de modo assertivo, bastando atentar para os erros e tentar melhorar sempre.







Kenoby





 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Posts mais acessados