Pesquisar este blog

terça-feira, 4 de julho de 2017

Seus filhos sofrem com sudorese? Fique atento(a) a essas dicas!



Popularmente conhecida como Botox®, a toxina botulínica carrega o mito de combater apenas rugas e linhas de expressão. Todavia, a aplicação da substância vai bem além da beleza facial e pode tratar um transtorno que atinge 1,5 milhões de brasileiros: o suor excessivo. A condição corporal que provoca a sudorese demasiada, chamada hiperidrose, é agravada em situações de estresse e pode causar constrangimento a jovens e adultos que sofrem bullying nas escolas.

A hiperidrose pode aparecer nas mãos, axilas, pés e até mesmo nos seios. Como resolver esse problema quando o desodorante não faz mais efeito? Se ainda faz, o que fazer com as regiões nas quais não aplicamos desodorante? O Botox® pode resolver essas questões rapidamente. A toxina é aplicada em pontos específicos das glândulas responsáveis pelo suor, “desativando-as” por um período.

Há alguns cuidados que devem ser tomados antes da aplicação do Botox®. Para ajudar vocês, pais, a médica-chefe da rede Pró-Corpo, Adriana Benito, lista 5 cuidados para ter sucesso na aplicação e se livrar desse mal-estar dos seus filhos:


1.Apure qual a formação e experiência de quem for fazer a aplicação
Poucas pessoas sabem mas, para aplicar a toxina botulínica, o profissional precisa ser médico ou biomédico. Vocês devem ter cuidado antes de fazer o procedimento nos jovens e saber a formação do profissional. Isso porque muitos salões de beleza têm oferecido o serviço sem que o especialista seja formado e treinado para isso. Fiquem atentos!


2. Cheque a toxina botulínica antes da aplicação
É importante checar qual toxina será aplicada. Cada organismo reage de uma maneira diferente, mas a duração do produto varia, na maioria dos casos, de 6 a 8 meses. Quem detém a patente da marca Botox® é a indústria farmacêutica Allergan. Confira a substancia que será utilizada.


3. Alie o Botox® para hiperidrose a uma alimentação saudável
Ter uma sinergia entre os alimentos que os seus filhos consomem e a aplicação do Botox® é importante. Isso porque a alimentação interfere na nossa transpiração. Dê preferência aos alimentos que possuem colágeno, como carnes vermelhas ou brancas, e gelatina convencional. (Alguns suplementos alimentares também são indicados para melhorar a elasticidade da pele). Na Pró-Corpo temos nutricionistas para orientar melhor cada pessoa/perfil que optar pelo Botox® para combater a sudorese.


4. Você pode reaplicar o Botox® quando perceber o retorno do suor excessivo
A informação de que não se pode aplicar a toxina mais de uma vez na mesma região é um mito. Após o período de “sustentação” da substância é recomendado repetir o procedimento. Dessa forma, garante a redução do suor excessivo. Este prazo pode variar de 6 meses a 1 ano.


5. Fique atento ao resultado
A ação da toxina botulínica inicia-se após 48 horas da aplicação, atingindo seu resultado máximo em até 15 dias. É importante observar se o tratamento deu certo e se sente algum desconforto. A aplicação da toxina não deve ter efeito colateral, por isso observe atentamente o local após a aplicação.








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Como utilizar a Black Friday a favor do seu negócio

O Brasil não está em um de seus melhores momentos e, ultimamente, vive uma insegurança política que vem desaquecendo a economia. No entan...