Pesquisar este blog

sexta-feira, 5 de maio de 2017

Pare de criar expectativa e seja mais feliz




 Excesso de expectativa e falta de diálogo são os principais problemas dos relacionamentos

Os maiores problemas que as pessoas enfrentam em seus relacionamentos são a expectativa e a falta de diálogo. Queremos que o outro seja e aja de acordo com as nossas vontades. E no começo dos relacionamentos é assim, nos esforçamos ao máximo para agradar a pessoa amada e mostramos um personagem que não conseguimos sustentar ao longo de uma vida. 

É necessário, desde o começo, assumir quem é, e não criar um personagem para que o outro nos aceite. O primeiro passo é se aceitar, e entender que se o outro não te aceita você precisa avaliar se essa relação é saudável. 

A partir do momento que você se aceita e aceita o outro, você pára de criar expectativas e passa a entender a realidade dos seus relacionamentos. 

A questão central é que a mente é a grande responsável por criar expectativas e acaba influenciando em nossas atitudes e nos relacionamentos. É preciso avaliar o que queremos dos relacionamentos, o que temos a oferecer e o que pensamos sobre o assunto. 

A mente é responsável não só por criar expectativas, mas também pelas nossas atitudes. Portanto, ela também influencia nossos relacionamentos
O segundo ponto fundamental é ter diálogo. Todos os relacionamentos se iniciam com uma conversa, e para conseguirem passar todas as etapas, é preciso que ela continue existindo. Se existe algum problema acontecendo, ambos precisam explicar o seu ponto de vista e discutir para chegarem a um acordo. 

Todas as palavras não ditas podem acabar transbordando em momentos de tensão e causar feridas irreparáveis. 

As pessoas que tem problemas com os relacionamentos podem recorrer ao processo de coaching, que os ajudará a compreender o que querem, o que são e o que podem oferecer a seu parceiro.

 Fonte: http://youcancoaching.com.br/
 

 
Sol Moraes - é coach, e practitioner em PNL. Terapeuta tântrica, renascedora e integrativa, é especializada em sexualidade. Formada também em acupuntura, quiropraxia, ayurveda e massoterapia.

 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Posts mais acessados